VII 20/02/18  
  COTIDIANO  
Publicado em 10/11/15 10:12:47 | PM SJP

  Setran orienta população sobre regras na Área Calma que começam a valer dia 16.
  Teremos um trânsito melhor para todos com a Área Calma.
 
Fotos: Reprodução PM SJP  
 
   
 

Na próxima segunda-feira (16) começa a fiscalização de velocidade da Área Calma, perímetro da região central de Curitiba no qual a velocidade máxima permitida será de 40 quilômetros por hora. Para orientar os motoristas, pedestres e ciclistas sobre essas mudanças, a Secretaria Municipal de Trânsito (Setran) iniciou nesta segunda-feira (9) uma  orientação educativa na região onde haverá redução de velocidade.

“As pessoas estão entendendo que a Área Calma tem o objetivo maior de garantir um trânsito muito mais seguro e salvar vidas. É uma mudança de paradigma, de percepção sobre a cidade, pois para muita gente o trânsito são só os veículos. Mas todos somos pedestres e temos de pensar em uma cidade acessível, com segurança para os mais frágeis no trânsito”, diz o assessor da Coordenação de Mobilidade Urbana da Setran, Jorge Brand, o Goura.

Agentes de trânsito, engenheiros e técnicos da Setran, além de voluntários, distribuíram folhetos sobre Área Calma e conversaram com pedestres, ciclistas, motociclistas e motoristas em 17 cruzamentos da região. A recepção foi positiva entre os abordados pela ação.

“Teremos um trânsito melhor para todos com a Área Calma. Na área central, o trânsito anda muito complicado e pode ser bom reduzir a velocidade para dar segurança para os pedestres”, afirma o motorista Joelir Mozza. Para o técnico em informática Paulo Colli é necessário pensar no coletivo. “Às vezes, um lado perde um pouco, mas no final todos acabam se beneficiando. Creio que 40km/h é uma velocidade ideal para o trânsito na área central, vai ajudar os pedestres a atravessar melhor as ruas”, disse.

A motorista paulista Juliana Rodrigues também aprovou a iniciativa da Área Calma de Curitiba. “Em São Paulo houve a redução de velocidade nas marginais e em algumas áreas do centro, e o trânsito tem fluído melhor. É uma ótima iniciativa e pode funcionar aqui em Curitiba também”, diz.

A Área Calma foi criada por decreto municipal em setembro com o objetivo de melhorar a convivência, aumentar a segurança e permitir o compartilhamento de diferentes modais de transporte na região central de Curitiba. A região é delimitada pela Rua Inácio Lustosa, Rua Visconde de Nácar/Rua 24 de Maio, Rua André de Barros/Rua Nilo Cairo, Rua Manoel Ribas, Rua Luiz Leão e Av. João Gualberto – dentro deste perímetro, a velocidade máxima de circulação permitida será de 40km/h.

O projeto de sinalização está sendo finalizado e instalado pela Setran, com placas, marcações no pavimento e radares. A região tem 133 cruzamentos com semáforos, dos quais 12 serão monitorados por fiscalização eletrônica (radares) para garantir o respeito à velocidade máxima de 40km/h e o respeito à sinalização. Radares estáticos (colocados sobre tripés) também serão utilizados na fiscalização do trânsito na Área Calma.

Quem não obedecer às novas regras, pode sofrer penalidades previstas no artigo 218 do Código de Trânsito Brasileiro: quando a velocidade for superior à máxima permitida em até 20% – infração média, com perda de 4 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e R$ 85,12 de multa; quando a velocidade for superior à máxima permitida em mais de 20% até 50% – infração grave, com perda de 5 pontos na CNH e R$ 127,69 de multa; quando a velocidade for superior à máxima em mais de 50% – infração gravíssima, com perda de 7 pontos na carteira, R$ 574,61 de multa, suspensão imediata do direito de dirigir e apreensão do documento de habilitação.

Novas orientação sobre a Área Calma serão realizadas na quarta (11) e na quinta-feira (12), entre 9h e 10 horas, nos seguintes cruzamentos:

Rua Luiz Leão x Rua Carlos Cavalcanti

Rua Luiz Leão x Av. João Gualberto

Rua Mariano Torres x Rua Marechal Deodoro

Rua Mariano Torres x Rua XV de Novembro

Rua Mariano Torres x Rua André de Barros

Rua André de Barros x Rua Cons. Laurindo

Rua André de Barros x Rua Barão do Rio Branco

Rua André de Barros x Rua Mariano Torres

Rua André de Barros x Rua Alferes Poli

Rua Inácio Lustosa x Rua Trajano Reis

Rua Inácio Lustosa x Rua Mateus Leme

Rua Inácio Lustosa x Av. Cândido de Abreu

Rua Visconde de Nácar x Rua Dr. Pedrosa

Rua Visconde de Nácar x Av. Vicente Machado

Rua Visconde de Nácar x Rua Fernando Moreira

Rua Visconde de Nácar x Rua Martin Afonso

Rua Visconde de Nácar x Rua Padre Agostinho

 

 
 
 

 
 
 

 
 
 
 
  Veja Também  
 
 
  Taxistas do aeroporto recepcionam passageiros com rosas  
 
   
 
  TAXISTA DO BRASIL ENTREGAM DOSSIÊ A SERGIO MORO  
 
   
 
  Motoristas do UBER podem ser multados em R$ 1.709,25 em São José dos Pinhais  
 
   
 
  Taxistas paranaenses realizam maior carreata da história da capital  
 
   
 
  Mortalidade materna caiu para quase metade no mundo em 25 anos  
 
   
 
  Produtores do litoral do PR buscam no INPI, registro de indicação de procedência, para agregar valor à produção  
 
   
 
   
  Edições Impressas  
   
 
   
 
 
Art&Moda Cotidiano Economia Educação Entretenimento HumorCego Lazer Lex Column Tecnologia
Poderosa Teen Política Vida Social
Economia
Editorial
Malas Prontas
Mercado Imobiliário
OAB SJP
Política SJP
Tecnologia
Viver Saúde
       

Jornalcoracaodeestudante.com.br

2009-2015. Todos os direitos reservados. RFS Comunicações.
Página Inicial  |  Expediente  |  Anuncie no site JCE  |  Seja nosso Colaborador  |  Comunicar Erro  |  Fale com o JCE
 
Criação de Sites Curitiba| Construção de Sites Curitiba| Loja Virtual Curitiba| Ecommerce Curitiba| www.bk27.com.br